Como fazer Faculdade na Espanha: Guia 2021

Fazer faculdade na Espanha é um sonho possível e nesse artigo você confere as principais informações para iniciar o processo de candidatura

Faculdade na Espanha: Como fazer?

Diariamente recebo perguntas sobre admissão em universidades espanholas, vestibulares e passos a serem dados para alcançar o objetivo de fazer uma faculdade na Espanha. Por isso, decidi criar este artigo para tirar as principais dúvidas e te ajudar no seu projeto de estudar no exterior.

Prepare seu bloco de notas para fazer anotações e boa leitura!

REQUISITOS GERAIS PARA FACULDADE NA ESPANHA

É verdade que cada universidade e curso conta com diferentes requisitos para admissão. Porém, alguns itens são indispensáveis na hora de pensar em fazer faculdade na Espanha. São eles: 

  1. Idioma: se o seu objetivo é fazer sua graduação na Espanha, ter domínio do castelhano é requisito primordial, tanto para o processo de aplicação quanto para compreender e acompanhar as aulas. 

Algumas universidades pedem um nível B2, segundo o Quadro Comum Europeu de Referência para as Línguas. No entanto, não basta apenas ter o conhecimento, é necessário certificar a proficiência no idioma por meio de um exame oficial, como o DELE ou o SIELE.   

  1. Média ponderada do ensino médio: para fazer faculdade na Espanha é essencial contar com uma boa média global. A nota do ensino médio é fundamental para estudar em uma universidade espanhola. 

Neste caso, se você ainda não terminou os seus estudos, vale a pena se dedicar um pouco mais para aumentar a sua média ponderada. 

  1. Suporte financeiro: parte dos nossos sonhos precisam também de suporte financeiro para serem realizados. Por isso, para estudar em uma faculdade na Espanha, conte com recursos econômicos suficientes para custear tanto o valor integral do curso, como para cobrir gastos como moradia, alimentação e transporte. 

FACULDADE NA ESPANHA: INÍCIO DO PROCESSO

Agora que você já sabe os três pontos cruciais para dar início ao projeto de fazer uma faculdade na Espanha, eu te conto os próximos passos para tirar o seu plano do papel. 

Em primeiro lugar, é preciso homologar o diploma de ensino médio. Um processo obrigatório e que deve ser feito junto ao Ministério de Educação da Espanha, a fim de reconhecer e validar o documento.

Antes de solicitar a homologação do certificado de conclusão, você precisa apostilar o documento e, em seguida, enviá-lo a um tradutor juramentado pelo governo espanhol para que este faça a tradução

Após a solicitação, com o volante de inscrição da homologação você já pode se candidatar a vagas em faculdades na Espanha. No entanto, é sempre importante se atentar ao fato de que o volante só tem validade de 6 meses, o que significa que se o Ministério não finalizar o processo dentro desse espaço de tempo, você pode perder a vaga na universidade.

Minha dica? Comece o processo de homologação o quanto antes. Assim, você terá tempo e tranquilidade para se candidatar às vagas.

ESCOLHA DA FACULDADE NA ESPANHA

Eu sei, é muita informação. Mas, agora vem a parte que mais requer tempo de pesquisa. Você precisa decidir para qual ou quais faculdades na Espanha irá aplicar. 

Sempre considere o fato de que cada instituição espanhola tem liberdade para escolher o prazo de solicitações, valor do curso, nível do idioma e requisitos complementares. Deste modo, pesquise bastante e escolha com atenção as suas opções.

Nas minhas redes sociais você confere algumas dicas de itens a se considerar na hora de escolher em qual universidade ou cidade estudar. Vale a pena dar uma conferida! 

Além disso, no site da UNEDassis você pode verificar os critérios de admissão das universidades na Espanha.

GRADUAÇÃO NA ESPANHA SEM VESTIBULAR

Como mencionei anteriormente, cada instituição tem liberdade para criar seus próprios processos e requisitos de admissão. Neste sentido, a pesquisa sempre será sua melhor amiga na hora de escolher a faculdade na Espanha.  

Contudo, deixo aqui algumas opções de universidades públicas espanholas que abrem fase de estrangeiros para alguns cursos e nas quais você pode entrar diretamente com a nota do ensino médio, sem necessidade de vestibular:

  • Universidad de Almería
  • Universidad de Cádiz
  • Universidad de Córdoba
  • Universidad de Granada
  • Universidad de Huelva 
  • Universidad de Jaén 
  • Universidad de Málaga
  • Universidad de Sevilla
  • Universidad Pablo de Olavide, Sevilla 

PCE: PROVA DE COMPETÊNCIA ESPECÍFICA

A opção de ingresso sem vestibular não é possível para entrar em todas as universidades, então para entrar na faculdade na Espanha você deverá fazer a Prova de Competência Específica (PCE), um conjunto de provas direcionadas para o vestibular de estudantes estrangeiros. 

Algumas universidades, como as de Madri ou Barcelona, exigem a nota do ensino médio somada à nota da PCE.  Para conhecer a oferta de estudos, datas de convocatória e fazer a solicitação online, basta acessar o site da UNEDassis. O melhor de tudo é que você pode fazer essa prova em São Paulo. 

Ainda tem dúvidas ou precisa de ajuda no seu processo de escolha e aplicação para uma faculdade na Espanha? Conte comigo! 

Envie um email para info@amandakalil.com e a gente conversa sobre o seu caso em específico e traçamos um plano de assessoria que atenda às suas necessidades.

Vamos juntos tirar o seu plano do papel? 

Inscreva-se na nossa newsletter para receber diretamente o conteúdo
Idioma